Poupança Seguros

Seguro de Vida do Crédito Habitação – Como é Possível Poupar Tanto Dinheiro?

poupar em casa
Written by A Carteira

COMO POUPAR DINHEIRO NO SEGURO DE VIDA DO CRÉDITO HABITAÇÃO

A Carteira entrevistou Sérgio Nunes, o atual Diretor-Geral da APRIL Portugal e foi perceber como é possível poupar dinheiro na prestação do crédito habitação. Quem melhor do que a APRIL, companhia especializada no ramo vida risco para nos ajudar a responder à pergunta: como é possível poupar dinheiro no seguro de vida do crédito habitação?

Como era a decisão de crédito habitação no passado?

No passado, quando uma pessoa adquiria uma casa com recurso ao crédito bancário, o principal fator de escolha era o spread do crédito. O que fazíamos era comparar apenas o spread praticado entre os diferentes bancos e não nos preocupávamos com o preço do seguro de vida.

Um erro. Uma grande parte da margem financeira dos bancos (ou das seguradoras associadas à banca) estava não só no spread mas também no preço do seguro de vida risco associado ao crédito habitação. Na realidade, a prestação mensal é determinada por:

  • Indexante – A taxa EURIBOR, que antes era tipicamente a EURIBOR a 6 meses mas que nos contratos mais recentes tem sido a 12 meses;
  • Spread;
  • Outros componentes que podemos denominar como taxas e que incidem sobre o capital em dívida.

Mas é mesmo possível transferir o seguro de vida para outra seguradora?

Até 2009 a lei não protegia o consumidor. Nesse ano surge uma nova legislação que vem abrir o mercado e que torna possível ao consumidor a escolha da seguradora com quem quer trabalhar. Pudemos começar a falar de um “mercado aberto dos seguros de vida associados ao crédito”.

Esta alteração legislativa trouxe mais concorrência ao mercado (a APRIL começou a operar em Portugal efetivamente nesse ano). Esta concorrência implicou uma redução da margem (dos preços) das seguradoras, margens que mesmo assim se mantiveram atrativas uma vez que os preços praticados anteriormente não tinham concorrência. Os bancos tinham esse valor garantido pelo que a alteração legislativa trouxe um retorno bastante positivo para os clientes que poupam agora muito dinheiro gozando da livre escolha.

Quando Podemos Poupar Dinheiro No Seguro De Vida?

Hoje em dia podemos ter duas opções para poupar dinheiro no seguro de vida do crédito habitação:

  • Na aquisição de uma nova habitação, procurando uma seguradora mais barata e com melhores coberturas;
  • Na transferência do seguro de vida para outra seguradora mais competitiva.

Em ambos os casos as seguradoras do “mercado aberto” praticam preços mais reduzidos do que os praticados pela banca de modo a conquistar novos clientes.

A Poupança É Maior Para Contratos Anteriores a 2009

Como referido, a alteração legislativa aconteceu em 2009 pelo que as suas implicações têm dois tempos distintos:

  • Hipotecas efetuadas antes de 2009 onde havia uma menor preocupação da banca em identificar a bonificação por produto – o que dá mais liberdade ao cliente para mudar sem agravamento.
  • Hipotecas após esta alteração legislativa – A banca já teve mais cuidado em identificar venda cruzada por produto. O consumidor deve assim fazer a comparação com todas as variáveis e fazer as suas contas.

Mesmo para contratos realizados após 2009 é possível poupar dinheiro com a transferência do seguro de vida. É recomendável que faça as contas à poupança no seguro de vida (ao longo de todo o contrato) e ao eventual agravamento na prestação de crédito. Na maioria dos casos a poupança nos seguros supera em muito o eventual agravamento na prestação.

Olhe Para A Poupança Ao Longo De Todo O Contrato!

A diferença de preços entre seguradoras é bastante significativa mas Sérgio Nunes recomenda que não nos foquemos apenas na poupança imediata (que costuma ser quantificada na redução na prestação desse ano e costuma ser bastante significativa, em alguns casos mais de €300-€400 por ano).

Os consumidores devem olhar para a poupança ao longo da duração do contrato de crédito. Esta poupança é extremamente significativa porque o seguro cobre o risco de morte e de invalidez e tem um preço crescente ao longo do tempo (apesar da redução do valor em dívida a probabilidade de morte e invalidez aumenta com a idade).

“Atingimos na parte final do crédito uma realidade incomum (…) na parte final do crédito a maior componente da prestação é a componente do seguro”. O que Sérgio Nunes recomenda é que a pessoa para além de observar o preço no primeiro ano deve ter presente a realidade do esforço financeiro que o seguro de vida implica ao longo da duração do crédito.

Como Começar A Poupar Sem Muitas Burocracias?

Com grande probabilidade é possível poupar dinheiro com a transferência do seu seguro de vida para outra companhia de seguros, mesmo com eventual agravamento de spread (que não é garantido). Também é possível aumentar as coberturas e mesmo assim baixar o preço que paga. Por que não analisar o seu caso concreto sem compromisso? Bastará preencher o simulador abaixo e será contactado para analisar o seu caso sem qualquer custo.

""
1
Peça uma simulação grátis e sem compromisso
Nome e Apelido
Telefone
Código Postal
Valor do financiamento
Previous
Next
FormCraft - WordPress form builder

Outros artigos d’A Carteira para o ajudar a poupar dinheiro no seguro de vida do crédito habitação:

Quer baixar as despesas mensais com o Crédito Habitação?
Seguro de Vida de Crédito Habitação – Será Que Tem De Manter No Seu Banco?
Como Transferir O Seguro de Vida Do Seu Crédito Habitação?

NESTE ARTIGO: Como poupar dinheiro no seguro de vida do crédito habitação?

Sobre o autor

A Carteira

A Carteira é constituída por uma equipa de profissionais com muita experiência no setor financeiro. A nossa missão é ajudar as famílias a ter uma melhor relação com o dinheiro. Acreditamos que é possível poupar dinheiro, investir tempo e dinheiro na melhoria das nossas condições de vida. E estamos cá para ajudar com os conteúdos para que possa tomar as melhores decisões financeiras.

Deixe o seu comentário:

NOS


<%-- negocios e empreendedorismo --%> Blogs do Ano - Nomeado Negócios e Empreendedorismo